Implementação de um protocolo de avaliação nutricional numa Unidade de Cuidados Continuados Integrados

Maria Armanda Marques, João Godinho, Vítor Costa e Ana Faria

Acta Portuguesa de Nutrição 2018, 12, 42-45 , https://dx.doi.org/10.21011/apn.2018.1208

Visualizações: 29 | Downloads PDF: 2


Download PDF See metadata Add to Mendeley Cite

Resumo

A Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados foi criada com o objetivo geral de “prestação de cuidados continuados integrados a pessoas que, independentemente da idade, se encontrem em situação de dependência”. No entanto, a maioria das pessoas admitidas nestas unidades são idosas, com múltiplas comorbilidades.

Os idosos, tendo em conta as alterações fisiológicas subjacentes ao processo de envelhecimento, encontram-se particularmente predispostos para alterações do estado nutricional, nomeadamente para o desenvolvimento de desnutrição, encontrando-se esta associada a maior morbilidade e mortalidade.

O objetivo deste trabalho prende-se com a otimização dos cuidados nutricionais e de saúde prestados e uniformização de procedimentos relativos à avaliação do estado nutricional dos utentes admitidos nas Unidades de Cuidados Continuados Integrados. Este documento propõe um modelo de avaliação nutricional para os utentes admitidos em Unidades de Cuidados Continuados Integrados.



Palavras-chave: Avaliação nutricional, Idosos, Unidade de Cuidados Continuados