Tecnologias digitais no tratamento das perturbações do comportamento alimentar – revisão baseada na evidência

Digital technologies in the treatment of eating disorders - evidence-based review

Daniela Mota, Ana Carolina Monteiro e Jéssica Sousa

Acta Portuguesa de Nutrição 2023, 32, 66-74 , https://dx.doi.org/10.21011/apn.2023.3211

Visualizações: 582 | Downloads PDF: 92


Download PDF See metadata Add to Mendeley Cite

Resumo

Atualmente o uso da internet e da telemedicina no tratamento das alterações psicológicas tem aumentado exponencialmente, mostrando as mais variadas vantagens do uso da tecnologia digital em programas de prevenção e tratamento em saúde. O objetivo deste trabalho é perceber a utilização e efetividade das tecnologias digitais no tratamento dos doentes com Perturbações do Comportamento Alimentar.

Para tal realizou-se uma pesquisa de artigos científicos em bases de dados relevantes do qual resultaram 27 artigos incorporados neste estudo.

As tecnologias digitais, desde sites web, aplicações para smartphones, mensagens de texto por telemóvel ou e-mail e a realidade virtual podem ser usados no recrutamento, na autoajuda, na Terapia Cognitivo Comportamental e monitorização do tratamento nos doentes com Perturbações do Comportamento Alimentar, tendo-se revelado eficazes e úteis. Além disso são vistas pelos doentes como vantajosas e facilitadoras do processo de tratamento, porém necessitam ser aprimoradas e personalizadas a cada tipo de doente.

No entanto, apesar dos benefícios comprovados, a ciência carece ainda de estudos que mostrem a eficácia do uso das novas tecnologias, especialmente nas Perturbações do Comportamento Alimentar.


Abstract

Currently, the use of the internet and telemedicine in the treatment of psychological disorders has increased exponentially, exposing the most varied advantages of the use of digital technology in health prevention and treatment programs. The objective of this work is to understand the use and effectiveness of digital technologies in the treatment of patients with Eating Disorders.


For this, a search of scientific articles in relevant databases was carried out, which resulted in 27 articles incorporated in this study.


Digital technologies, from websites, smartphone applications, mobile phone or text messages and virtual reality can be used in recruitment, self-help, Cognitive Behavioral Therapy and monitoring in the treatment of patients with Eating Disorders, have proved to be effective and useful. In addition, they are seen by patients as advantageous and facilitators of the treatment process, but they need to be improved and personalize to each patient.


However, despite the proven benefits, science still lacks studies that show the effectiveness of the use of new technologies, especially in Eating Disorders.



Palavras-chave: Aplicações, Applications, Digital technologies, Eating disorders, Online, Perturbações do comportamento alimentar, Realidade virtual, Tecnologias digitais, Virtual reality