Dieta anti-inflamatória e artrite reumatoide: visão geral sobre as evidências atuais

Anti-inflammatory diet and rheumatoid arthritis: overview on the current evidence

Bárbara Sousa, Joana Mendes e Ana Sofia Sousa

Acta Portuguesa de Nutrição 2023, 34, 40-44 , https://dx.doi.org/10.21011/apn.2023.3408

Visualizações: 409 | Downloads PDF: 152


Download PDF See metadata Add to Mendeley Cite

Resumo

Introdução: A artrite reumatoide é uma doença autoimune crónica, com sintomas que se caracterizam pela inflamação das articulações, e por isso necessita de tratamento farmacológico. No entanto, o tratamento farmacológico nem sempre é suficiente para a melhoria dos sintomas referentes à artrite reumatoide. Deste modo, é necessária a intervenção nutricional, como um tratamento complementar, para assim alcançar uma melhoria significativa dos sintomas. De modo a perceber qual a dieta mais indicada para os doentes com artrite reumatoide, diversas abordagens têm sido estudadas, entre as quais a dieta anti-inflamatória, que por privilegiar o uso de alimentos ricos em nutrientes com efeito antioxidante, poderá contribuir de forma benéfica para o controlo sintomas da artrite reumatoide.

Objetivos: O presente estudo teve como objetivo realizar uma revisão da literatura acerca do efeito que a prática de uma dieta anti-inflamatória poderá ter sobre a sintomatologia da artrite reumatoide, tendo em conta a sua aplicabilidade, benefícios, além das suas limitações.

Metodologia: A revisão da literatura realizou-se através de uma pesquisa bibliográfica, na base de dados PubMed. O termo de pesquisa usado foi “((inflammation AND diet*) OR anti-inflammatory diet) AND (arthritis rheumatoid OR rheumatoid arthritis))”.

Resultados: A evidência científica atual tem demonstrado efeitos positivos da dieta anti-inflamatória em pacientes com artrite reumatoide, como a diminuição da atividade da doença, diminuição das articulações sensíveis, de edema e dor nas articulações, com melhoria da funcionalidade física.

Conclusões: A dieta anti-inflamatória é um promissor tratamento complementar da artrite reumatoide, com vários benefícios, nomeadamente na redução da atividade da doença e dos sintomas, bem como, na aquisição de um padrão alimentar mais equilibrado.


Abstract

Introduction: Rheumatoid arthritis is a chronic autoimmune disease, with symptoms that are characterized by inflammation of the joints and requires pharmacological treatment. However, pharmacological approach is not always enough to eliminate the symptoms related to rheumatoid arthritis, and nutritional intervention is necessary as a complementary treatment to obtain a significant improvement in symptoms. Several nutritional approaches have been studied to understand which diet would provide more benefits to patients with rheumatoid arthritis, and anti-inflammatory diet described as rich in nutrients with antioxidant effect, may contribute beneficially to the control of symptoms.


Objectives: The present study aimed to review the literature existent on the effect that practice an anti-inflammatory diet may have on the symptoms of rheumatoid arthritis, in order to understand its applicability, benefits, as well as limitations.


Methodology: The literature review was elaborated through a bibliographic search, in the PubMed database. The search term use was: “((inflammation AND diet*) OR anti-inflammatory diet) AND (arthritis rheumatoid OR rheumatoid arthritis))”.


Results: Current scientific evidence has shown positive effects of the anti-inflammatory diet in rheumatoid arthritis patients, such as reduction of disease activity, reduction of tender and swollen joints and joint pain and improved physical functioning.


Conclusions: The anti-inflammatory diet is a promising complementary treatment of rheumatoid arthritis, with several benefits, namely the reduction of disease activity and symptoms, as well as, in the acquisition of a more balanced food pattern.



Palavras-chave: Anti-inflammatory diet, Artrite reumatoide, Dieta anti-inflamatória, Inflamação, Inflammation, Nutrition therapy, Rheumatoid Arthritis, Terapia Nutricional