Intervenção nutricional: o papel da avaliação

Nutritional intervention: the role of evaluation

Liliane Costa

Acta Portuguesa de Nutrição 2022, 30, 72-76 , https://dx.doi.org/10.21011/apn.2022.3013

Visualizações: 332 | Downloads PDF: 81


Download PDF See metadata Add to Mendeley Cite

Resumo

A avaliação de intervenções em saúde é um poderoso instrumento de melhoria contínua de qualidade e pode ser entendida como a investigação sistemática dos elementos de uma intervenção, para produzir informação que permita determinar o valor ou mérito da mesma por parte de todos os interessados. O processo avaliativo deve ser parte integrante do desenho e planeamento de qualquer intervenção em Nutrição Comunitária e Saúde Pública. A avaliação apresenta diversas abordagens, dependendo do objecto da avaliação, dos objetivos e do nível de cuidados/organizacional. A avaliação pode ocorrer antes, durante ou após a implementação da intervenção, pode ter uma função formativa ou sumativa, pode servir-se de métodos qualitativos ou quantitativos, e, enquanto julgamento de valor, pode ser normativa ou avaliativa. O desenho e planeamento da avaliação podem recorrer a modelos lógicos que permitem estruturar visualmente a intervenção, de modo a facilitar a operacionalização de ambas. A avaliação deve por isso ser uma ferramenta usada habitualmente pelos nutricionistas de modo a promover a prática da Nutrição Comunitária e Saúde pública baseada na evidência e promover a melhoria contínua da qualidade em saúde.


Abstract



The evaluation of health interventions is a powerful instrument for continuous quality improvement and can be understood as the systematic investigation of the elements of an intervention, to produce information that allows the determination of its value or merit by all interested parts. The evaluation process should be an integral part of the design and planning of any intervention in Public Health Nutrition. The evaluation has different approaches, depending on the object of the assessment, the objectives and the level of care/organizational. The evaluation can take place before, during or after the implementation of the intervention, it can have a formative or summative function, it can use qualitative or quantitative methods, and, as a value judgment, it can be normative or evaluative. The design and planning of the evaluation may use logical models that allow the intervention to be visually structured, in order to facilitate the operationalization of both. Evaluation should therefore be a tool commonly used by nutritionists in order to promote the evidence-based practice of Public Health Nutrition and promote continuous improvement in health quality.






Palavras-chave: Avaliação, Evaluation, Intervenção, Intervention, Nutrição, Nutrition, Public health, Saúde pública