EDITORIAL

Nuno Borges
Resumo

O presente número da Acta Portuguesa de Nutrição traz-nos treze novos artigos abordando várias temáticas da nutrição e alimentação, como é aliás o seu objetivo. Este número representa um novo máximo na quantidade de artigos publicados, o que nos leva a refletir sobre este facto, nomeadamente acerca das suas causas, consequências e desafios que são colocados.

Entendemos que nas causas principais deste aumento estão dois fatores, um mais conjuntural e outro mais estrutural. O fator de conjuntura será a pandemia: a maior disponibilidade de tempo dos cientistas para as necessárias atividades de reflexão e escrita constituem certamente um dos impulsos para o maior número de submissões e posteriores aceitações de artigos, tendência esta que podemos verificar noutras áreas do saber e reportada por vários jornais científicos. Em todo o caso, pensa-se que o devastador efeito desta emergência sanitária ao nível da economia possa afetar negativa e significativamente o financiamento da ciência nos próximos anos, temendo-se aqui um efeito tardio de sinal contrário, ou seja, a diminuição da produção e publicação científicas. O fator estrutural que pensamos contribuir para este aumento é o do crescente número de investigadores na área, como atestam a maior quantidade de Mestres e Doutores de Universidades portuguesas e estrangeiras, refletindo um interesse cada vez maior pela nutrição e alimentação como ciência e como prática de enorme impacto na saúde de cada um.

Este crescimento, que certamente nos alegra, traz consigo desafios que não podemos ignorar e aos quais devemos estar atentos para continuar a assegurar a melhoria permanente da qualidade do trabalho que aqui produzimos. Desde já, a capacidade de selecionar, recrutar e motivar os revisores para um conjunto de artigos submetidos que, repetimos, é cada vez maior e mais diverso. Este é o ponto central da atividade da Acta Portuguesa de Nutrição e aquele de cujo desempenho dependerá, em última análise, o seu sucesso. Não será por isso excessivo voltar a agradecer aqui aos tantos revisores que nos têm ajudado nesta tarefa, garantindo que a Acta continuará a desenvolver formas de valorizar este trabalho silencioso, mas fundamental.

Por último, estamos confiantes que, tal como nos propusemos desde o início, este maior número e qualidade de artigos terá como consequência a possibilidade desta revista poder ser indexada em bases de dados de ainda maior impacto e visibilidade. Só com este tipo de avanços qualitativos será possível perpetuar o ciclo virtuoso de melhores publicações, maior impacto. Permanece este, pois, o nosso desafio: tornar cada vez mais atrativa a possibilidade de publicar nesta nossa revista e continuar assim o seu caminho de se tornar uma publicação de referência nesta área que abraçámos.

COVID-19: Risco de Insegurança Alimentar e fatores associados na Madeira

COVID-19: Risk of Food Insecurity and associated factors in Madeira
Liliane Costa; Eva Henriques; Teresa Esmeraldo
Resumo

RESUMO

Introdução: A Insegurança Alimentar constitui um problema grave de saúde pública, que pode ser agravado com as medidas de contenção social impostas durante a pandemia COVID-19.

Objetivos: Determinar a prevalência de Insegurança Alimentar e investigar determinantes associados, na Região Autónoma da Madeira, durante o confinamento geral na pandemia COVID-19.

Metodologia: Estudo transversal, com aplicação de um questionário por entrevista telefónica assistida por computador a 351 adultos, entre 22-29 de maio 2020. A presença de Insegurança Alimentar foi avaliada através de uma escala de 2 itens utilizada pela Direção-Geral da Saúde. A análise multivariada (regressão logística, método Forward Wald) foi usada para estudar a associação entre Insegurança Alimentar e variáveis demográficas, socioeconómicas e de estilo de vida.

Resultados: A prevalência de Insegurança Alimentar entre os agregados familiares da Região Autónoma da Madeira foi de 33,6%. No modelo ajustado (para tamanho do agregado familiar, perceção da situação financeira e alteração dos hábitos alimentares) a perceção de uma situação financeira suficiente [OR=4,289, IC 95% (1,584-11,612)] ou difícil/muito difícil [OR=28,561, IC 95% (10,063-81,060)] foi associada a maior probabilidade de reportar Insegurança Alimentar. Os inquiridos que partilhavam casa com três ou mais pessoas apresentaram probabilidade quase 2 vezes maior de Insegurança Alimentar [OR ajustado=1,983; IC 95% (1,083-3,632)], do que aqueles que viviam sozinhos ou partilhavam casa com apenas mais uma pessoa. A alteração de hábitos alimentares, durante o período de contenção, associou-se positivamente ao risco de Insegurança Alimentar [OR ajustado=2,242; IC 95% (1,288-3,902)].

Conclusões: Na Região Autónoma da Madeira, 33,6% das famílias foram identificadas em risco de Insegurança Alimentar, durante o período de confinamento pela COVID-19. No futuro, em contextos semelhantes, especial atenção deve ser dada a famílias em situação financeira mais frágil, com agregados familiares de maiores dimensões e com tendência para alterar os seus hábitos alimentares.

PALAVRAS-CHAVE

COVID-19, Insegurança Alimentar, Madeira

 

ABSTRACT

Introduction: Food Insecurity is a serious public health problem that may be aggravated by social constraints imposed during the COVID-19 pandemic.

Objectives: To determine the prevalence of Food Insecurity in the population of the Autonomous Region of Madeira and explore associated factors, during the COVID-19 pandemic lockdown.

Methodology: Cross-sectional study, with the application of a questionnaire by computer-assisted telephone interview to 351 adults, between 22-29 May 2020. Multivariate analysis (logistic regression, Forward Wald method) was conducted to study the association between Food Insecurity and demographic, socioeconomic and lifestyle variables.

Results: The prevalence of Food Insecurity among Autonomous Region of Madeira households was 33.6%. In the adjusted model (for household size; perception of financial situation and change in eating habits) the perception of a sufficient financial situation [adjusted OR=4.289, 95% CI (1.584-11.612)] or difficult / very difficult [OR=28.561, 95% CI (10.063-81.060)] was associated with an increased likelihood of reporting Food Insecurity. Respondents who shared a home with three or more people were almost twice as likely to have Food Insecurity [adjusted OR= 1.983; 95% CI (1.083-3.632)], than those who lived alone or shared a home with just one other person. The change in eating habits, compared to the period of pre-containment, was positively associated with the risk of Food Insecurity [adjusted OR = 2.242; 95% CI (1.288-3.902)].

Conclusions: In the Autonomous Region of Madeira, 33.6% of families were identified as at risk for Food Insecurity during COVID-19 pandemic lockdown. In the future, in similar contexts, special attention should be given to families in more fragile financial situations, with larger households and with a tendency to change their eating habits.

KEYWORDS

COVID-19, Food Insecurity, Madeira

Estado nutricional pré-concecional e aumento ponderal na gravidez: estudo de acompanhamento na ilha do Faial

Preconception nutritional status and weight gain during pregnancy: a follow-up study in the Faial island
Frederico Viveiros; Rui Poínhos; Cláudia Afonso
Resumo

RESUMO

É fundamental adequar a evolução ponderal das gestantes, tendo em conta o índice de massa corporal anterior à gravidez e o número de fetos. O aumento de peso inadequado durante a gestação e o estado nutricional das grávidas antes da conceção podem estar associados a riscos para a saúde materna e infantil. A avaliação destes aspetos é fundamental para a definição de estratégias de atuação.

Foi objetivo avaliar o estado nutricional de mulheres do Faial (Açores, Portugal) antes da conceção e o seu aumento de peso durante a gravidez.

Este estudo prospetivo avaliou o estado nutricional anterior à conceção e o aumento de peso durante a gravidez de 34 mulheres com média de idade de 31 anos (dp = 4). Metade da amostra encontrava-se normoponderal antes da conceção e as restantes participantes apresentavam excesso de peso. Verificou-se que 64,7% da amostra teve um inadequado aumento de peso na gestação, maioritariamente por défice. O aumento de peso durante a gestação não diferiu significativamente entre classes de índice de massa corporal prévio.

Para a melhoria do estado ponderal pré-gestacional recomenda-se um maior foco na educação para a saúde sobre a adoção de estilos de vida saudáveis nas consultas de planeamento familiar. Tendo em conta a elevada inadequação do aumento ponderal na gestação, a evolução ponderal deverá ser monitorizada com maior regularidade, de modo a que o aumento de peso não seja inferior ou superior ao desejável. Uma vez que as recomendações para o aumento de peso durante a gravidez têm em conta o índice de massa corporal prévio, e dada a elevada prevalência de excesso de peso encontrada, esta monitorização deve prolongar-se no período pós-parto.

O adequado estado nutricional da mulher antes da conceção e da grávida são fundamentais para otimizar a saúde da própria e do bebé e para diminuir o risco de complicações durante a gestação, pelo que se recomenda a intervenção do nutricionista nestas fases.

PALAVRAS-CHAVE

Aumento ponderal, Estado nutricional, Gestação, Pré-conceção

 

ABSTRACT

It is essential to adjust the weight evolution of pregnant women, taking into account the body mass index prior to pregnancy and the number of fetuses. Inadequate weight gain during pregnancy and the nutritional status of pregnant women before conception may be associated with risks to maternal and child health. The evaluation of these aspects is fundamental to the definition of action strategies.

The aim was to assess the weight status of women in Faial (Azores, Portugal) before conception and their weight gain during pregnancy.

This prospective study evaluated the nutritional status prior to conception and the weight gain during pregnancy of 34 women with a mean age of 31 years (SD = 4). Half of the sample had normal weight before conception and the remaining participants were overweight. It was found that 64.7% of the sample had an inadequate increase in weight during pregnancy, mostly by deficit. Weight gain during pregnancy did not differ significantly between previous body mass index classes.

To improve the pre-gestational weight status, a greater focus on health education on the adoption of healthy lifestyles in family planning consultations is recommended. In view of the high inadequacy of weight gain during pregnancy, weight evolution should be monitored more regularly, so that weight gain is not less than or greater than desired. Since the recommendations for weight gain during pregnancy take into account the previous body mass index, and given the high prevalence of excess weight found, this monitoring should continue in the postpartum period.

The adequate nutritional status of the woman before conception and the pregnant woman are essential to optimize the health of herself and the baby and to reduce the risk of complications during pregnancy, which is why the nutritionist's intervention in these phases is recommended.

KEYWORDS

Weight gain, Nutritional status, Gestation, Preconception

Fontes de informação e avaliação de conhecimentos sobre alimentação e nutrição em colaboradores de um município

Sources of information and assessment of nutritional knowledge among employees of a city hall
Cláudia Pessoa; Marta Sampaio; Rui Poínhos; Cláudia Afonso
Resumo

RESUMO

Introdução: O local de trabalho é uma importante área de ação para a promoção de estilos de vida saudáveis.

Objetivos: Avaliar fontes de informação e temáticas que suscitam maior interesse sobre alimentação/nutrição, estado de saúde e conhecimentos sobre alimentação dos colaboradores de uma câmara municipal.

Metodologia: Participaram no estudo 118 colaboradores de uma câmara municipal. Foram recolhidos dados sociodemográficos, autoperceção do estado de saúde, peso e altura, fontes de informação e temas preferenciais sobre alimentação/nutrição e conhecimentos nesta área (recomendações dietéticas; fonte alimentar de nutrientes; relação dieta-doença) através do Questionário de Conhecimentos Nutricionais (QCN).

Resultados: As mulheres apresentaram nível superior de conhecimentos, quer no total (p = 0,001), quer nas secções relativa à fonte alimentar de nutrientes (p = 0,001) e à relação dieta-doença (p = 0,030). Também os participantes mais novos (R = -0,205;

p = 0,030), com menor índice de massa corporal (R = -0,188; p = 0,049), maiores habilitações literárias (R = 0,506; p < 0,001) e que se autopercecionam mais saudáveis (R = 0,123) apresentaram nível superior de conhecimentos. A secção relativa à relação dieta-doença foi aquela em que se verificou menor nível de conhecimentos. Relativamente às fontes de informação, 67,8% relataram ter por hábito fazê-lo, principalmente na Internet (58,5%) ou através de um médico (30,5%). Os participantes que realizam pesquisa apresentaram um maior nível de conhecimentos (mediana = 67,2% vs. 57,8%; p = 0,004). Estudaram-se também as diferenças nos conhecimentos entre quem utilizava ou não cada fonte de informação.

Conclusões: Estes resultados evidenciam que o nível de conhecimentos sobre alimentação neste grupo não é elevado, justificando a necessidade de implementar intervenções a nível da promoção da literacia alimentar/nutricional. Pelas suas características, a vertente da educação alimentar deve ser prioritária, bem como intervenções ao nível do ambiente alimentar no local de trabalho.

PALAVRAS-CHAVE

Conhecimentos alimentares e nutricionais, Intervenções alimentares, Local de trabalho, Promoção da saúde

 

ABSTRACT

Introduction: The workplace is an important area of action for the promotion of healthy lifestyles.

Objectives: To evaluate sources of information and food/nutrition topics which arouse greatest interest, health status and nutritional knowledge among employees of a city hall.

Methodology: One hundred eighteen employees of a city hall participated in the study. Sociodemographic data, self-perception of health status, weight and height, sources of information and preferential food/nutrition issues, and knowledge on this subject (dietary recommendations; food source of nutrients; diet-disease relationship) were obtained through the Nutritional Knowledge Questionnaire (NKQ).

Results: Females had higher level of knowledge, either in total (p = 0.001) and in the sections on food source of nutrients (p = 0.001) and on diet-disease relationship (p = 0.030). Also, younger participants (R = -0.205; p = 0.030), those with lower body mass index (R = -0.188; p = 0.049), those with higher academic qualifications (R = 0.506; p < 0.001) and those who perceived themselves as healthy (R = 0.123) had higher level of knowledge. The section on diet-disease relationship registered the lowest level of knowledge. Regarding sources of information, 67.8% reported the habit of doing it, mainly using the Internet (58.5%) and through a doctor (30.5%). Employees who research information had higher level of knowledge (median = 67.2% vs. 57.8%; p = 0.004). We also studied the differences on knowledge between participants who use or not each information source.

Conclusions: These results show that, in this group, the level of knowledge about food/nutrition is not high, justifying the need to implement interventions in terms of promoting food/nutritional literacy. Given its characteristics, food education should be a priority, as well as interventions focusing food environment on the workplace.

KEYWORDS

Nutritional knowledge, Dietary interventions, Workplace, Health promotion

Probabilidade de abandono de terapêutica dietética para perda de peso: o papel de fatores psicossociais

Probability of abandoning dietary therapy for weight loss: the role of psychosocial factors
Luciana Alves Cangerana Santiago; Ana Maria Cervato-Mancuso; Jackson William Rosalino; Raí da Silva Chicoli; Denise Cavallini Cyrillo
Resumo

RESUMO

Introdução: O excesso de peso vem alcançando proporções epidémicas mundiais, e com ele emergem outras doenças crónicas não transmissíveis. Nesse contexto ocorre um aumento pela procura por terapêutica dietética para perda de peso, nem sempre bem--sucedida em função de baixa adesão e consequente abandono dessas terapêuticas.

Objetivos: Investigar a probabilidade de abandono de terapêutica dietética para perda de peso segundo aspetos psicossociais, socioeconómicos, demográficos, antropométricos e clínicos.

Metodologia: Estudo transversal quantitativo retrospetivo. Desenvolvido em duas instituições de saúde e uma de ensino. Incluídos adultos de 20 a 60 anos que já tivessem se submetido à terapêutica dietética para a perda de peso. Foram aplicados questionários para coleta de dados psicossociais, socioeconómicos, demográficos, antropométricos e clínicos. Com base nos dados coletados, estimou-se um modelo utilizando o método Probit de regressão múltipla para investigar quais variáveis influenciam a probabilidade de abandono da terapêutica dietética para perda de peso.

Resultados: A amostra foi composta por 86 indivíduos, sendo que 57% haviam abandonado terapêutica dietética para perda de peso. A estimação do modelo mostrou que a variável escolaridade aumenta em 18,9 pontos percentuais o abandono de terapêutica dietética para perda de peso. Em relação aos fatores psicossociais o aumento de um grau na satisfação com a terapêutica e no suporte social reduz a probabilidade de abandono em 7,8 pontos percentuais e 5,7 pontos percentuais, respetivamente. E as variáveis de caráter clínico, económico, demográfico e antropométrico não se apresentaram estatisticamente significativas.

Conclusões: Verificou-se que alto nível de escolaridade favorece o abandono de terapêutica dietética para perda de peso e a satisfação e suporte social atuam de forma contrária reduzindo o abandono, neste sentido o sucesso da terapêutica dietética para perda de peso depende, em certa medida de tais fatores.

PALAVRAS-CHAVE

Abandono de terapêutica, Obesidade, Perda de peso, Satisfação com a terapêutica dietética, Suporte social e excesso de peso

 

ABSTRACT

Introduction: Overweight has reached epidemic proportions worldwide, and other chronic non-communicable diseases emerge. In this context, there is an increase in the demand for dietary therapy for weight loss, which is not always successful due to low adherence and consequent abandonment of these therapies.

Objectives: To investigate the probability of abandoning dietary therapy for weight loss according to psychosocial, socioeconomic, demographic, anthropometric and clinical aspects.

Methodology: Retrospective quantitative cross-sectional study. Developed in two health institutions and one teaching institution. Including adults from 20 to 60 years who had already undergone dietary therapy for weight loss. Questionnaires were applied to collect psychosocial, socioeconomic, demographic, anthropometric and clinical data. Based on the collected data, a model was estimated using the Probit method of multiple regression to investigate which variables influence the probability of abandoning dietary therapy for weight loss.

Results: The sample consisted of 86 individuals, 57% of whom had abandoned dietary treatment for weight loss. The estimation of the model showed that the educational variable increases the abandonment of dietary therapy for weight loss by 18.9 percentage points. In relation to psychosocial factors, the increase of a degree in satisfaction with therapy and in social support reduces the probability of dropping out by 7.8 percentage points and 5.7 percentage points, respectively. And the variables of a clinical, economic, demographic and anthropometric character were not statistically significant.

Conclusions: It was found that a high level of education favors the abandonment of dietary therapy for weight loss and satisfaction and social support work in the opposite way to reduce abandonment, in this sense the success of dietary therapy for weight loss depends to some extent of such factors.

KEYWORDS

Abandonment of therapy, Obesity, Weight loss, Satisfaction with diet therapy, Social support and overweight

Avaliação do desperdício alimentar da refeição almoço em duas escolas públicas do distrito de Aveiro

Evaluation of food waste from school lunch in two public schools in the district of Aveiro
Beatriz Ferreira Silva; Beatriz Teixeira; Helena Ávila; Cláudia Afonso
Resumo

RESUMO

Introdução: O desperdício alimentar é uma problemática atual em refeitórios escolares. Numa lógica de sustentabilidade, torna-se essencial auscultar eventuais causas para, posteriormente, se proceder à sua redução. Para tal, a quantificação do desperdício alimentar é uma etapa fundamental.

Objetivos: Avaliar o desperdício alimentar dos alunos, na refeição do almoço, em duas unidades de restauração coletiva do setor escolar público.

Metodologia: Estudo observacional de desenho transversal. Procedeu-se à avaliação do desperdício alimentar do item da refeição prato das refeições servidas a alunos do pré-escolar ao ensino secundário, durante 10 dias. Para quantificar as sobras e restos de 2686 refeições, considerou-se o método físico de pesagem.

Resultados: Verificou-se 25% de desperdício alimentar global para 2686 refeições servidas, observando-se um índice de sobra de produção e um índice de sobra de resto de, em média, 8% e 18%, respetivamente. Poderiam ser alimentados com o desperdício alimentar obtido 904 alunos.

Conclusões: O índice de sobra e o índice de sobra de resto nas componentes do prato apresentam-se acima dos valores de desperdício recomendados pela literatura (<3% índice de sobra e <10% índice de sobra de resto), justificando uma urgente necessidade de intervenção.

PALAVRAS-CHAVE

Alimentação coletiva, Almoço escolar, Desperdício alimentar, Método físico de pesagem

 

ABSTRACT

Introduction: Food waste is an actual problem in school canteens. In a sustainable logic, it’s essential to find out possible causes to reduce this issue. To this end, food waste quantification is fundamental.

Objectives: Evaluate the food waste of the main dish students, in the lunch meal, in two units of contract catering of the public-school sector.

Methodology: Cross-sectional observational study. Evaluation of the food waste of the main dish was proceeded from preschool to high school, during 10 days. In order to quantify the leftovers and plate waste of 2686 meals, the physical method was used.

Results: A ratio of 25% of overall food waste was verified for 2686 served meals, showing, in average, an index of leftovers and plate waste of 8% and 18%, respectively. 904 students could be fed with the food waste obtained.

Conclusions: Leftovers and plate waste in the plate components, are above the waste values recommended by literature (<3% and <10%, respectively), justifying an urgent need for intervention.

KEYWORDS

Contract catering, School lunch, Food waste, Physical method

Effect of pasture versus conventional feeding systems on the composition of milk produced in Portugal

Efeito da pastagem versus sistemas de alimentação convencionais na composição de leites produzidos em Portugal
Bruna I Basto; José A Teixeira
Resumo

ABSTRCT

Introduction: Cows’ milk is widely consumed and is considered essential for the diet of billions of people worldwide. Conjugated linoleic acid and omega-6/omega-3 (ω6/ω3) ratio have been associated with the improvement of human health. The feed factors of cows are highly related with the lipidic composition of milk.

Objectives: Compare the effect of the two different feeding systems (pasture and conventional) in conjugated linoleic acid concentration and in ω6/ω3 ratio in milk produced in Portugal.

Methodology: The study includes the data analysis of the provided reports, containing the results of the 12 samples (2018-2020) from 3 different brands (Portugal), and their graphical comparison.

Results: The concentration of conjugated linoleic acid is always higher (around 10 mg/100g of conjugated linoleic acid) in milk A (pasture milk) and presents a more constant profile throughout the sampling period. Also, the ω6/ω3 ratio of pasture milk presents a more constant profile and the ratio values are the closest to the recommended.

Conclusions: The pasture-feeding system produces milk more nutritionally enriched, with a composition more constant through the different seasons of the year and ensuring the welfare of cows. The milk produced by those systems appears to have an improved fatty acids profiling.

KEYWORDS

Conjugated linoleic acid, Omega-6/omega-3 ratio, Pasture milk, Pasture-feeding system  

RESUMO

Introdução: O leite de vaca é amplamente consumido e considerado essencial para a dieta de milhares de milhões de pessoas em todo o mundo. A concentração de ácido linoléico conjugado e o rácio ómega-6/ómega-3 (ω6/ω3) têm sido associados à melhoria da saúde humana. Os fatores alimentares das vacas estão altamente relacionados com a composição lipídica do leite.

Objetivos: Comparar o efeito dos dois diferentes sistemas de alimentação (pastagem e convencional) na concentração de ácido linoléico conjugado e no rácio ω6/ω3 em leites produzidos em Portugal.

Metodologia: O estudo inclui a análise dos dados dos relatórios fornecidos, contendo os resultados das 12 amostras recolhidas (2018-2020) de 3 marcas diferentes (Portugal), e sua comparação gráfica.

Resultados: A concentração de ácido linoléico conjugado é sempre superior (em torno de 10 mg/100g de ácido linoléico conjugado) no leite A (leite de pastagem) e apresenta um perfil mais constante ao longo do período de amostragem. Além disso, o rácio ω6/ω3 do leite de pastagem apresenta um perfil mais constante e valores da razão mais próximos aos recomendados.

Conclusões: O sistema de alimentação de pastagem produz leite mais enriquecido nutricionalmente, com uma composição mais constante nas diferentes estações do ano, e garante o bem-estar das vacas. O leite produzido por estes sistemas parece apresentar uma melhoria no perfil de ácidos gordos.

KEYWORDS

Ácido linoléico conjugado, Rácio ómega-6/ómega-3, Leite de pastagem, Sistema de alimentação de pastagem

Hábitos alimentares em distintos períodos pandémicos ao longo da história: uma revisão narrativa da literatura

Dietary habits in different pandemic periods throughout history: a narrative reviews of the literature
Catarina Monteiro; Rui Jorge
Resumo

RESUMO

A quarentena, voluntária ou obrigatória, suscita transformações inevitáveis no estilo de vida. A presente revisão narrativa da literatura visa estudar os hábitos alimentares adotados durante pandemias e epidemias com repercussões mundiais. Enquanto antigamente as doenças infeciosas eram predominantes em indivíduos desnutridos por escassez de alimento, hoje afetam desnutridos devido a hábitos alimentares excessivos e desequilibrados. A Gripe Espanhola originou grande escassez de alimento e insegurança alimentar. A Gripe das Aves e a Gripe A não afetaram hábitos no consumo da carne e ovos, apesar do impacto no setor alimentar. Tanto a Gripe A como a COVID-19 foram exacerbadas pela elevada prevalência de doenças crónicas, nomeadamente a obesidade. A atuação do nutricionista em contexto pandémico ou epidémico, é crucial por promover, junto da população, a adoção de um estilo de vida saudável, principalmente hábitos alimentares, como medida preventiva.

PALAVRAS-CHAVE

Hábitos alimentares, Pandemia, Quarentena

  ABSTRACT

Quarantine, voluntary or mandatory, causes inevitable changes in lifestyle. This narrative review of literature aims to study the eating habits adopted during pandemics and epidemics with worldwide repercussions. While in the past, infectious diseases were prevalent in individuals malnourished due to food shortages, today they affect malnourished people due to excessive and unbalanced eating habits. The Spanish flu caused great food shortages and food insecurity. Bird flu and influenza A did not affect meat and egg consumption habits, despite the impact on the food sector. Both Influenza A and COVID-19 were exacerbated by the high prevalence of chronic diseases, including obesity. The role of the nutritionist in a pandemic context is crucial for promoting the population to adopt a healthy lifestyle, mainly healthy eating habits, as a preventive measure.

KEYWORDS

Eating habits, Pandemic, Quarantine

 

Mixed meal tolerance test as a screening method for gestational diabetes: a narrative review

Prova de tolerância a uma refeição mista como método de rastreio de diabetes gestacional: uma revisão narrativa
Caroline Pragosa; Marlene Lages; Cidália Pereira; Maria Pedro Guarino
Resumo

ABSTRACT

The oral glucose tolerance test is, to this day, the gold standard method to screen for gestational diabetes mellitus, even though it can cause various side effects. To outcome this problem, a few studies have tested the use of a Mixed Meal Tolerance Test in pregnant women as an alternative to the glucose load, which are reviewed in this article. After analyzing these studies, it can be concluded that the Mixed Meal Tolerance Test could be a viable alternative to the gold standard, although further studies should be conducted.

KEYWORDS

Diagnosis, Gestational diabetes, Glucose Tolerance Test, Hyperglycemia, Mixed meal

RESUMO

A prova de tolerância à glucose oral é atualmente o método gold standard no diagnóstico da diabetes gestacional, apesar de causar efeitos adversos. Para contornar este problema, alguns estudos testaram o uso de uma refeição padrão mista em grávidas como alternativa à sobrecarga de glucose. Depois da análise destes estudos, é possível concluir que o uso de uma refeição mista pode ser uma alternativa viável à prova de tolerância à glucose oral, mas que deve ser alvo de mais estudos.

PALAVRAS-CHAVE

Diagnóstico, Diabetes gestacional, Teste de Tolerância à Glucose, Hiperglicemia, Refeição mista

Papel do nutricionista numa dieta restrita em FODMAPs

The Role of a Dietitian in the Low FODMAP Diet
Mariana Fernandes; Mafalda Rodrigues de Almeida; Vânia Costa
Resumo

RESUMO

A dieta restrita em FODMAPs (Fermentable Oligosaccharides, Disaccharides, Monosaccharides and Polyols) surgiu como estratégia para controlar os sintomas de doenças como a síndrome do intestino irritável (SII). Ao longo dos anos, têm sido publicados resultados positivos desta dieta. No entanto, a sua implementação não está ainda padronizada, podendo ser desafiante implementá-la com sucesso. Neste sentido, o nutricionista é um aliado importante na implementação da dieta restrita em FODMAPs e na orientação alimentar.

Assim, o objetivo desta revisão foi analisar o papel do nutricionista na implementação de uma dieta restrita em FODMAPs.

PALAVRAS-CHAVE

Dieta, FODMAPs, Nutricionista, Síndrome do Intestino Irritável

 
ABSTRACT

In order to control the symptoms of diseases such as irritable bowel syndrome (IBS), the low FODMAP diet (Fermentable Oligosaccharides, Disaccharides, Monosaccharides and Polyols) emerged. Over the last years, positive results of this diet have been published. However, its implementation is not yet standardized, and it can be challenging to implement it successfully. Thereby, the nutritionist is an important ally in the implementation of the low FODMAP diet and in the dietary guidance.

Thus, the objective of this review was to analyze the role of the nutritionist in implementing a low FODMAP diet.

KEYWORDS

Diet, FODMAP, Dietitian, Irritable bowel syndrome

Estratégias de coaching e nudging e excesso de peso: qual a relação?

Coaching and nudging strategies and overweight: what is the relationship?
Daniela Nunes; João Lima; Ana Faria; Helena Loureiro
Resumo

RESUMO

O excesso de peso continua a ser um problema de saúde pública, sendo, por isso, importante estimular uma mudança do estilo de vida. Todavia há comumente uma forte resistência à mudança que, associada à má gestão de tempo, escolhas alimentares incorretas, falta de disciplina e motivação, comprometem a adesão à terapêutica. A aplicação de estratégias de coaching e nudging parece estar associada ao aumento da motivação, organização e controlo sobre as escolhas alimentares, preparando o doente para uma mudança de comportamento, contribuindo para a diminuição do excesso de peso, melhoria da qualidade de vida, redução da mortalidade e morbilidade e, consequentemente, diminuição dos custos em saúde, embora estudos experimentais sejam necessários para avaliar a eficácia destas estratégias no processo de perda de peso. A aplicação destas estratégias deve ter por base teorias baseadas em evidência científica e aplicadas por pessoal técnico treinado para o efeito, como psicólogos e/ou nutricionistas com formação em coaching aplicado às Ciências da Nutrição, salientando a importância de equipas multidisciplinares para uma eficaz gestão do peso.

PALAVRAS-CHAVE
Coaching, Excesso de peso, Nudging, Prevenção, Tratamento
  ABSTRACT
Excessive weight remains a public health problem and it is therefore important to encourage a change in lifestyle. However, there is usually a strong resistance to change, that combined with poor time management, incorrect food choices, lack of discipline and motivation, compromises adherence to therapy. The application of coaching and nudging strategies seems to be associated with increased motivation, organization and control over food choices, preparing the patient for a change in behavior, contributing to the reduction of excessive weight, improvement in quality of life, reduction of mortality and morbidity and, consequently, decrease in health costs, although experimental studies are needed to evaluate the effectiveness of these strategies in the weight loss process. The application of these strategies should be based on theories, substantiated by scientific evidence and applied by trained technical personnel, such as psychologists and/or nutritionists with training in coaching applied to Nutrition Sciences, emphasizing the importance of multidisciplinary teams for an effective weight management.

KEYWORDS

Coaching, Overweight, Nudging, Prevention, Treatment

Prevalência de sarcopenia em idosos em internamento hospitalar

Prevalence of sarcopenia in elderly patients admitted to a hospital
Denise Glória Silva de Paula da Costa; Marisa Cebola
Resumo

RESUMO

Introdução: A sarcopenia é um distúrbio muscular esquelético generalizado e progressivo caracterizada pela redução gradual da massa muscular, da força e função musculares e está associada a um maior risco de admissões hospitalares, internamentos prolongados e maior risco de morbilidade e mortalidade. A identificação precoce da sarcopenia é crucial para que se possa estabelecer um plano de intervenção de modo a atingir um prognóstico favorável.

Objetivos: Analisar a prevalência de sarcopenia em idosos admitidos em instituições hospitalares.

Metodologia: Foi realizada uma análise da literatura publicada partir da base de dados eletrónica PubMed nos últimos 5 anos utilizando os descritores “sarcopenia” AND “hospitalized” AND “prevalence”. A pesquisa foi realizada entre julho e agosto de 2020.

Resultados: A prevalência de sarcopenia difere amplamente na literatura analisada, variando entre 7,2% e 73%. Esta variação ocorre consoante o algoritmo utilizado para diagnóstico da sarcopenia, a população analisada e os métodos aplicados para determinar a massa, força e função muscular. A maioria dos estudos relataram que a sarcopenia teve um aumento progressivo com a idade e esteve associada com várias adversidades. A coexistência de malnutrição nos idosos sarcopénicos foi elevada e há uma associação entre sarcopenia e um maior risco de morte.

Conclusões: A análise da prevalência de sarcopenia evidenciou que a malnutrição e a sarcopenia muitas vezes coexistem e podem ser associadas a desfechos clínicos negativos. A evidência científica sugere a importância de incluir na avaliação do estado nutricional, como procedimento de rotina na admissão hospitalar, a avaliação não só da presença de malnutrição, mas também da sarcopenia.

PALAVRAS-CHAVE

Hospitalizados, Idosos, Malnutrição, Sarcopenia

  ABSTRACT

Introduction: Sarcopenia is a generalized and progressive skeletal muscle disorder characterized by gradual reduction in muscle mass, strength and function and is associated with an increased risk of hospitalization, prolonged hospitalization and an increased risk of morbidity and mortality and unfavourable outcomes. The early diagnosis of sarcopenia is crucial to establish a treatment plan in order to achieve a favourable prognosis.

Objectives: To analyse the prevalence of sarcopenia in elderly patients admitted to a hospital.

Methodology: An analysis of the literature published from the PubMed database in the last 5 years using the descriptors "sarcopenia" AND "hospitalized" AND "prevalence" was carried out. The survey was conducted between July and August 2020.

Results: The prevalence of sarcopenia varied widely among the analysed literature, from 7.2% to 73%. This variation occurs according to the algorithm used to diagnose sarcopenia, the population analysed, and the methods applied to measure muscle mass, strength and function. Most studies reported that sarcopenia had a progressive tendency with age and was associated with a variety of adversities. The coexistence of malnutrition in sarcopenic elderly was high and there is an association between sarcopenia and an increased risk of death.

Conclusions: The analysis of the prevalence of sarcopenia showed that malnutrition and sarcopenia often coexist and may be associated with negative clinical outcomes. The existing evidence suggest the importance to include on the nutritional evaluation done on hospital admission, not only the evaluation of presence of malnutrition but as well of sarcopenia.

KEYWORDS

Hospitalized, Elderly, Malnutrition, Sarcopenia

Evidência da suplementação com proteína do soro do leite enriquecido em leucina e da vitamina D nos idosos com sarcopenia – Revisão sistemática

Evidence of leucine-enriched whey protein nutritional supplement and vitamin D in the elderly with sarcopenia - Systematic review
Catarina Li; Marisa Cebola; Lino Mendes
Resumo

RESUMO

Introdução: A sarcopenia é uma síndrome geriátrica que compromete a qualidade de vida e a funcionalidade dos idosos. A literatura tem recentemente suportado que a proteína do soro do leite e aminoácidos essenciais que contêm leucina e a vitamina D, em conjunto com programas de atividade física personalizadas podem exercer efeitos positivos na prevenção e tratamento da sarcopenia nos idosos.

Objetivos: Sistematizar a evidência científica sobre o efeito da suplementação com proteína do soro do leite enriquecido em leucina e da vitamina D nos idosos com sarcopenia.

Metodologia: Analisar artigos científicos em diferentes bases eletrónicas, nomeadamente “Pubmed”, “Scopus” e “Web of Science” com publicações nos últimos 5 anos, utilizando as palavras-chave: “elderly” ou “aged”, sarcopenia”, “dietary supplements”, “leucine” e “vitamin D”. Após aplicar os critérios de inclusão e exclusão, obtiveram-se 6 artigos.

Resultados: A maioria dos estudos demonstrou que a suplementação teve efeitos significativos no aumento da massa muscular e alguns na força e função musculares dos idosos sarcopenicos. Além disso, foi relatado que esta suplementação também induziu efeitos favoráveis na atenuação do estado inflamatório destes indivíduos.

Conclusões: A suplementação com aproximadamente 20 g de proteína do soro do leite enriquecido com 4 g de leucina e 800 IU de vitamina D, juntamente com programas de atividade física demonstraram efeitos benéficos na estimulação da síntese proteica e também na preservação muscular dos idosos sarcopenicos.

PALAVRAS-CHAVE

Idosos, Leucina, Sarcopenia, Suplementos nutricionais, Vitamina D

  ABSTRACT

Introduction: Sarcopenia is a geriatric syndrome that compromises the quality of life and functionality of the elderly. The literature has recently supported that leucine-enriched whey protein and vitamin D, together with personalized physical activity programs can have positive effects in the prevention and treatment of sarcopenia in the elderly.

Objectives: Systematize the scientific evidence on the effect of leucine-enriched whey protein nutritional supplement and vitamin D in the elderly with sarcopenia.

Methodology: Analyze scientific articles in different electronic bases, namely “Pubmed”, “Scopus” and “Web of Science” with publications in the last 5 years, using the keywords: “elderly” or “aged”, sarcopenia”, “dietary supplements”, “leucine” and “vitamin D”. After applying the inclusion and exclusion criteria, 6 articles were obtained.

Results: Most studies have shown that supplementation had significant effects on increasing muscle mass and some on muscle strength and function in the elderly with sarcopenia. In addition, it was reported that this supplementation also induced favorable effects in attenuating the inflammatory state of these patients.

Conclusions: Supplementation with approximately 20 g of whey protein with 4 g of leucine and 800IU of vitamin D, together with physical activity programs have shown beneficial effects in stimulating protein synthesis and also in muscle preservation in sarcopenic elderly.

KEYWORDS

Elderly, Leucine, Sarcopenia, Dietary supplements, Vitamin D  

Menos nutrientes e mais alimentos: proposta de abordagem para escolhas conscientes

Choosing food over nutrients: proposal of an approach for more conscious choices
Cláudia Viegas; Ada Rocha
Resumo

RESUMO

As preocupações com a alimentação e nutrição fazem parte da realidade dos dias de hoje, existindo uma cada vez maior atenção por parte do público em relação às características nutricionais dos alimentos que escolhem e consomem. A abordagem focada nos nutrientes é reducionista e dificulta a compreensão do consumidor sobre a melhor forma de avaliar a sua ingestão alimentar. No entanto, esta continua a ser a prática que prevalece em todos os contextos, quer na indústria alimentar, na restauração, na publicidade e nos supermercados. O objetivo deste trabalho foi desenvolver uma abordagem disruptiva de aplicação das recomendações alimentares veiculadas pela Roda dos Alimentos. Com base neste guia foi desenvolvida uma infografia a partir dos valores de referência médios para os adultos. A disponibilização desta informação nas ementas, menus, receitas, entre outros, assim como nos produtos alimentares permitiria facilitar a consciencialização da quantidade consumida em relação às porções diárias, assim como melhorar a perceção do que é uma porção para os vários tipos de alimentos, e de como o conjunto das diferentes refeições e produtos alimentares permitem atingir as recomendações alimentares e nutricionais.

PALAVRAS-CHAVE

Porções alimentares, Recomendações alimentares, Roda dos alimentos

 

ABSTRACT

Consumer’s awareness about food and nutrition have increased in the last years, drawing attention to the nutritional properties of foods, namely their content in sugar, fat, calories and salt. The nutrient-focused approach is reductionist, and moreover, it is difficult for consumers to understand the best way to assess their food intake. However, in all contexts, this remains the methodology that prevails (food industry, restaurants, advertising, and supermarkets). The objective of this work was to develop a disruptive approach to the application of food recommendations conveyed by the Portuguese Food Guide. Using this guide, an infographic was developed based on the average reference values for adults. The availability of this information in menus, recipes, among others, as well as in food products would allow the awareness of the amount of food consumed in relation to the daily portions, as well as improving the perception of what is a portion, considering the various types of food and how different meals contribute to the daily recommendations.
KEYWORDS
Food portions, Food recommendations, Food guide

 

Edição nº23

Resumo

[av_four_fifth first min_height='' vertical_alignment='' space='' custom_margin='' margin='0px' padding='0px' border='' border_color='' radius='0px' background_color='' src='' background_position='top left' background_repeat='no-repeat' animation='' mobile_display=''] [av_magazine link='portfolio_entries,50' items='-1' offset='0' tabs='aviaTBtabs' thumbnails='aviaTBthumbnails' heading='' heading_link='manually,http://' heading_color='theme-color' heading_custom_color='#ffffff' first_big_pos='top'] [/av_four_fifth] [av_one_fifth min_height='' vertical_alignment='' space='' custom_margin='' margin='0px' padding='0px' border='' border_color='' radius='0px' background_color='' src='' background_position='top left' background_repeat='no-repeat' animation='' mobile_display=''] [av_hr class='default' height='50' shadow='no-shadow' position='center' custom_border='av-border-thin' custom_width='50px' custom_border_color='' custom_margin_top='30px' custom_margin_bottom='30px' icon_select='yes' custom_icon_color='' icon='ue808'] [av_image src='https://actaportuguesadenutricao.pt/wp-content/uploads/2021/02/capa-23-212x300.png' attachment='3038' attachment_size='medium' align='center' styling='' hover='' link='manually,https://actaportuguesadenutricao.pt/wp-content/uploads/2021/05/ACTA-23_LOW.pdf' target='_blank' caption='' font_size='' appearance='' overlay_opacity='0.4' overlay_color='#000000' overlay_text_color='#ffffff' animation='no-animation'][/av_image] [av_button label='Pesquisa avançada' link='page,30' link_target='' size='small' position='center' icon_select='yes' icon='ue803' font='entypo-fontello' color='theme-color' custom_bg='#444444' custom_font='#ffffff'] [/av_one_fifth]