Determinantes do estado de hidratação em crianças Portuguesas

Goreti Silva, Pedro Moreira, Ana Catarina Oliveira, Mariana Pinto, André Moreira e Patrícia Padrão

Acta Portuguesa de Nutrição 2017, 10, 12-16 , https://dx.doi.org/10.21011/apn.2017.1003

Visualizações: 200 | Downloads PDF: 17


Download PDF See metadata Add to Mendeley Cite

Resumo

Introdução: A literatura é escassa quanto à relação entre o estado de hidratação e seus potenciais determinantes em crianças.

Objetivos: Avaliar o estado de hidratação numa amostra de crianças portuguesas e quantificar a associação entre o estado de hidratação e o estado ponderal e fatores sociodemográficos e de estilo de vida.

Metodologia: Um estudo transversal, realizado entre janeiro e junho de 2014, incluiu 348 crianças em idade escolar (187 rapazes), entre os 7 e 12 anos. Para avaliar o estado de hidratação, foi recolhida uma amostra de urina de 24 h, tendo sido quantificados marcadores urinários para estimar o valor da Reserva de Água Livre. Para valores de Reserva de Água Livre positivos considerou-se indivíduos euhidratados e valores negativos indivíduos hipohidratados ou risco de hipohidratação. Os dados sociodemográficos e de estilo de vida (tempo no computador/ver tv, de sono, atividade física) foram recolhidos através de um questionário aplicado aos pais.

Resultados: Do total da amostra, 9,2% das crianças foi classificada como hipohidratada ou em risco de hipohidratação. Destes, 62,5% eram do sexo masculino, na sua maioria com excesso de peso/obesidade e com pais com excesso de peso/obesidade. Do total de euhidratados, 52,8% são rapazes. Andar ≥30 minutos a pé e ser filho de pai com <40 anos nas raparigas, associou--se negativamente ao estado de hidratação. O número de horas despendido em computador/jogos eletrónicos, tv/vídeo, sono e atividade física não se associou significativamente ao estado de hidratação.

Conclusões: Embora as crianças deste estudo se encontrassem maioritariamente euhidratadas, a ingestão de água em rapazes com excesso de peso/obesidade ou com pais com excesso de peso/obesidade deve ser particularmente promovida.



Palavras-chave: Crianças, Determinantes sociodemográficos, Estado de hidratação, Estado ponderal